Modelo potencialista: a lógica da necessidade e da possibilidade na filosofia clássica

Autor: Thiago Sebastião Reis Contarato

ISBN: 978-65-5381-028-0

DOI: 10.51859/amplla.mpl280.1122-0

Ano da publicação: 2022

Apresentaremos algumas semânticas que descrevem logicamente o uso das modalidades aléticas: necessidade, possibilidade, contingência e impossibilidade. A descrição lógica largamente reconhecida é realizada segundo o modelo da Semântica de Mundos Possíveis, mas defenderei que esse modelo é insuficiente para descrever as modalidades aléticas em sistemas filosóficos que admitam que há somente um único mundo.

Nesse contexto, Tomás de Aquino será nossa principal referência, mas também faremos apontamentos segundo Aristóteles, Tomás de Aquino descreve as modalidades aléticas se utilizando das noções de potência e ato. Contudo, de acordo com a necessidade dos temas da filosofia medieval, Tomás precisou aprofundar e refinar essas noções. As nossas análises desse aprofundamento e refinamento desembocarão em um Modelo Potencialista.