Aspectos técnicos, dúbios, bioéticos e sociais da cirurgia plástica

Organizadores: Bárbara Queiroz de Figueiredo, Rafael Sávio Soares, Rúbia Carla Oliveira

ISBN: 978-65-5381-033-4

DOI: 10.51859/amplla.atd334.1122-0

Ano da publicação: 2022

Quando os pacientes optam por fazer uma cirurgia estética, eles estão, em última análise, melhorando sua autoimagem e autoestima, pessoas que estão confiantes em sua aparência também são mais propensas a se envolver e se socializar com outras pessoas. A melhora da autoestima também pode ter um impacto positivo no local de trabalho. Pessoas que sofrem de baixa autoestima frequentemente se envolvem em comportamentos subconscientes que prejudicam seu sucesso, tornando-as menos propensas a pedir ou obter promoções, aumentos e até empregos. Quando se trata da palavra saúde, é importante lembrar que ela inclui todas as formas de saúde, como física, emocional, mental, intelectual, social e até ocupacional, assim, da maneira mais ampla possível, é muito fácil entender como a cirurgia plástica pode ter um impacto positivo na saúde das pessoas. Quanto mais saudáveis somos, mais longas e gratificantes nossas vidas podem ser. Desta forma, as cirurgias plásticas podem proporcionar diversas melhorias à saúde mental e física das pessoas, tornando sua qualidade de vida e sensação de bem-estar muito mais elevado.